Trópico
Paulo Nenflídio
audiovisual
As fantasias de Miss Tacuarembó
O videoartista Martin Sastre busca o grande público com seu primeiro longa, sobre o mundo das celebridades
Por Denise Mota
entrevista
Um esquimó na Paulicéia
Fabrício Corsaletti defende o humor como antídoto à cafonice e diz que não ser contra a poesia engajada
Por Carolina Ferreira
cosmópolis
Autopublique seu livro
Novas editoras brasileiras se especializam na difusão de obras na internet e na publicação sob encomenda
Por Fábio Fujita
a.r.t.e.
Luz nas trevas
Em Buenos Aires, o Teatro Ciego apresenta peças no escuro, encenadas por atores com deficiência visual
Por Denise Mota
em obras
Paisagens críticas
Relação do artista Robert Smithson com a ciência e a indústria é tema de novo livro do pesquisador e ensaísta Nelson Brissac; leia trecho
cosmópolis
A resistência do terroir
Apesar da mundialização, o mundo rural se perpetua no discurso nacionalista dos costumes gastronômicos
Por Carlos Alberto Dória
política
A tragédia de Sakineh Ashtiani
Diretor de um longa sobre apedrejamento de mulheres, Cyrus Nowrasteh critica a justiça iraniana
Por Fernando Masini
audiovisual
Ajuste pronominal
"5 x Favela - Agora Por Nós Mesmos" na visão de
Cacá Diegues e dos sete diretores do filme
Por Carlos Adriano
entrevista
Um jovem mestre de 101 anos
O cineasta português Manoel de Oliveira fala de seu novo filme e elogia as facilidades do cinema digital
Por Celia Cavalheiro
em obras
O berço inglês da modernidade
O crítico Lorenzo Mammi analisa os ensaios de Giulio Carlos Argan reunidos em "A Arte Moderna na Europa"
Por Mario Gioia
novo mundo
A revolução será digitalizada
Formatos emergentes reinventam os modos de difusão das imagens e anunciam o cinema da era da conexão
Por Giselle Beiguelman
a.r.t.e.
Saudades do sertão
Numa cultura jovem, diariamente renovada, fica cada vez mais difícil lidar com a música tradicional
Por Henry Burnett
audiovisual
A árvore da vida
Pouco visto no Brasil, "O Novo Mundo" é um antídoto ao maniqueísmo e aos estereótipos de "Avatar"
Por Ronaldo de Noronha
cosmópolis
Entre o diabo e a esperança
Segregação racial ainda impera na Universidade da Cidade do Cabo, que já produziu cinco prêmios Nobel
Por José Gatti
ensaio
Mãe, medusa
Obra de Flávio de Carvalho é analisada em artigo do “Caderno Sesc Videobrasil 05 – Clio, Pátria”
Por Eliane Robert Moraes
livros
O olho e o olhar
“Lacrimae Rerum” traz ensaios do filósofo Slavoj Zizek sobre o cinema de Hitchcock, Lynch e Tarkovski
Por Humberto Pereira da Silva




.
três palavras
Alex Atala
busca
as imagens

No alto, "Libélula Solar", trabalho de Paulo Nenflídio. Formado em artes plásticas pela ECA - USP e em eletrônica pela ETE Lauro Gomes, ele se qualifica como um "artista sonoro", cuja obra reúne som, eletrônica, automação e gambiarra. Seus trabalhos se parecem com bichos, instrumentos musicais ou com máquinas de ficção científica. Recebeu em 2005 o Prêmio Sérgio Motta de Arte e Tecnologia. Em 2009 fez residência artística no ASU Art Museum, no Arizona (EUA). Recentemente participou da 7ª Bienal de Artes Visuais do Mercosul.

Na imagem menor, embaixo, à esquerda, Cena de "Cidade dos Sonhos" ("Mulholand Drive"), de David Lynch

Para receber
nosso boletim digite
seu e-mail a seguir: